O que você quer ser quando crescer? – Torta de Maçã Americana

Quando criança, o que você queria ser quando crescesse?

Eu particularmente nutria a mais profunda admiração pelas caixas de supermercado, que passavam o dia apertando botões que faziam abrir aquela caixa registradora espetacular e cheia de dinheirinhos (sei que to véia, vocês aí que nasceram nos anos 90 saibam que nem sempre existiu código de barras, ok?).

E tinha também as chacretes, as dançarinas de maiôs brilhantes do programa do Chacrinha (já falei que to véia?).

Pra você que é xóvem e não sabe o que é chacrete:

* Não espere bom gosto de uma criança, ainda mais uma criança dos anos 80, período histórico de menor noção desde que o mundo é mundo. *

Mas infelizmente o programa do Chacrinha acabou, assim como os anos 80 (thank god) e acabei indo para a faculdade de Comunicação Social virar radialista – profissão que foi boa enquanto durou. Os ex-coléga de profissão e mais uma galera acharam super estranho eu ter virado doceira depois disso, mas veja se não estava escrito nas estrelas.

Bate- bola comigo mesma na infância:

- Livro preferido?  Manual da Vovó Donalda.

- Programa preferido? Assistir Ofélia com a minha avó.

- Brincadeira preferida? Fazer biscoitinhos com meu irmão.

- Um sonho? Fazer uma torta de maçã e deixar esfriando na janela.

Um verdadeiro embrião de cozinheira em formação, diz aí?

E olha aí o sonho de infância realizado – muitas e muitas tortas de maçã já saíram da minha cozinha. Só não deixo esfriando na janela porque moro em apartamento, o parapeito é estreito e vai que cai na cabeça de alguém.

E vocês, alguém aí conseguiu virar o que queria ser?

Torta de Maçã Americana da Vovó (rende 1 torta de 20cm de diâmetro)

Fora a parte de descascar e tirar o miolo das maçãs que é meio demorada, é muito fácil fazer esse tipo de torta de frutas, uma vez que ela consiste praticamente da massa e um monte de fruta lá dentro, e vai tudo pro forno de uma vez.

O segredo pra ela ficar bem bonitona é conseguir colocar o máximo de maçãs que der, até formar uma montanha – as frutas vão segurar a massa no lugar até começar a assar e a torta fica alta e não murcha.

Para a Massa Brisée

  • 2 1/2 xícaras de farinha de trigo
  • 1 colher de sopa de açúcar
  • 1 colher de chá de sal
  • 200g de manteiga gelada, cortada em pedacinhos (sem sal)
  • 1/4 de xícara de água bem gelada (deixe um pouquinho a mais reservado, se precisar)

Para o recheio

  • 6 a 8 maçãs médias  (usei 7 maçãs granny smith) descascadas, sem o miolo e cortadas em fatias de 1 dedo
  • 1/4 de xícara de açúcar
  • 1 colher de chá de canela em pó
  • noz moscada a gosto (opcional)
  • 1 colher de sopa de suco de limão
  • 1 colher de sopa de maizena
  • 30g de manteiga cortada em pedacinhos

Para pincelar

  • 1 gema, misturada com 1 colher de sopa de creme de leite
  • açúcar cristal

Primeiro, faça a massa: No processador, pulse juntos a farinha, açúcar e sal para misturar. Junte os pedacinhos de manteiga gelada, e pulse algumas vezes para obter uma farofa grossa, com pedaços de manteiga maiores (os maiores devem ter o tamanho de ervilhas).  Com o processador ligado, junte a água gelada até a massa se juntar ligeiramente.

Passe para uma superfície de trabalho polvilhada com farinha de trigo e junte delicadamente a massa (vai estar um pouco seca e quebradiça, mas apertando um pouco ela se junta) formando uma bola. Se estiver ainda muito seca e não der pra juntar, espirre um pouquinho mais de água.Essa massa não deve ser amassada nem trabalhada em excesso, senão fica dura. Divida em duas partes e embrulhe em plástico. Deixe descansar na geladeira por 30 minutos. Reserve.

Numa tigela grande, misture as maçãs, açúcar, canela, noz moscada, suco de limão e a maizena com as mãos. Reserve na geladeira enquanto abre a massa.

Separe uma forma para tortas de vidro refratário redonda de 20cm.

Numa superfície de trabalho polvilhada com farinha de trigo, abra um dos discos de massa com o rolo e estique o suficiente para cobrir o fundo e laterais da forma. Ajeite com as mãos – se quebrar é só pressionar para remendar.

Corte a sobra de massa com uma faca ou tesoura e leve a forma forrada de massa ao freezer por 10 minutos.

Prepare a tampa da torta: abra o segundo disco de massa. Coloque o recheio de maçãs sobre o fundo já preparado, formando um monte alto no centro e distribua os pedacinhos de manteiga por cima. Coloque o disco de massa da tampa sobre o recheio pressionando levemente,  sele as laterais com um garfo ou apertando com os dedos para formar um desenho bonitinho.  Faça três furos com uma faca no topo da torta para escapar o vapor. Leve ao freezer por 20 minutos, enquanto aquece o forno a 200 graus.

Coloque a torta sobre uma assadeira forrada com papel manteiga (dá menos trabalho pra lavar depois). Pincele com a mistura de gema e creme de leite e polvilhe com bastante açúcar cristal.

Asse por 20 minutos, até começas a dourar. Reduza o forno para 180 graus e asse por mais uns 40 minutos, até estar bem dourada. Deixe amornar e sirva – a torta é melhor consumida no mesmo dia em que foi feita, porque o recheio começa a amolecer a massa.

About these ads

Comments

  1. Luciana Betenson says:

    Que linda :-) Desta sua lista, eu só queria a torta esfriando na janela pra comer depois haha! =P

  2. Amo essa torta de maçã! Lembra de mais a minha infância também. Eu já fiz várias vezes lá em casa (olha a receita no meu blog aqui http://escrevendoabobrinhas.com/2012/06/25/torta-de-maca-da-vovo-donalda/). A sua ficou lindíssima e com certeza muito gostosa. Bjos e boa semana!

  3. Estava procurando uma massa de torta exatamente assim. Moro nos EUA e é muito comum usarem uma massa dessa meio folhada, que é salgada e gordurosa demais, detesto. A sua parece que é bem do jeito que eu gosto, vou tentar!

  4. hahahahaha ai amiga, eu ficava triste de não morar em casa pra deixar a torta na janela. Era o máximo quando a fumacinha ia buscar os passantes pelo nariz não era? bjos

  5. Paula, ri alto com as referências dos anos 80, eu tentava ligar todos os dias para disputar a corrida de cavalinhos do bozo( mas nunca consegui..) e colecionava as figuras de bichos do chocolate surpresa da nestlé…e gostava tanto dos bichos que acabei exercendo até hoje a profissão que me encantava desde a infância : a Veterinária…essa torta está tentadora, praticamente a torta da vovó donalda!!!bjinhos!!!

  6. Paula, eu também adorava essa torta de maça da Vovó Donalda quando era criança… fiz uma vez só em casa e preciso repetir. Peguei a receita com a Cinara, do Cinara´s Place, e ela tem uma dica que acho ótima, que é fazer o recheio com antecedência e deixá-lo uma noite na geladeira pra apurar o sabor. A sua ficou maravilhosa! =)

  7. Fiquei doida para da fazer.
    Tenho uma duvida: qual a temperatura inicial do forno? E se é preciso pré-aquecer?
    Obrigada

  8. Olá Paula minha xará!!!!
    Quando eu era pequena eu sonhava em ter um programa tipo forno foção e cia!!!! eu pegava as caixinhas de caldo kinor e fazia as receitas fingindo q estava apresentando meu programa!!!!! Meu sonho era ser uma Palmirinha da vida!!!! e foi com ela , assistindo aos programas dela q aprendi a cozinhar!!! hj sou cozinheira com muiiitooo orgulho e paixão!!!!!!!!!!!!
    Não tenho meu programa mas sempre divido meu conhecimento!!!!! <3

  9. Pergunta:esta massa é a mesma da tarte tatan????

  10. A primeira coisa que quis ser na vida foi manicure!!! Sim, manicure… Adorava os esmaltes, a cores… sei lá o que eu tanto gostava! hahahaha
    Depois, com uns sete anos, eu me decidi: queria ser cientista. E assim foi. Me formei em Física e já estou terminando uma segunda graduação em Engenharia. Só não tem o glamour que eu imaginei que tinha! E eu ainda não consegui ir à Lua… hahahahahha
    Mas olha, essa torta está lindíssima. Eu, que nem sou muito chegada em maçãs, fiquei com muita vontade de fazer e experimentar :)
    Aliás, dá pra fazer com outras frutas? Ou estragaria a massa?

    Bjo e parabéns (sempre)!

  11. Eu queria ser a She-ra… do desenho, sabe? Uma vez ouvi falar que o juiz pode autorizar a pessoa a trocar o nome de registro e fui perguntar pro meu pai o que é que a gente tinha que fazer pra ir lá falar com o juiz. Ele achou estranho e perguntou por que… Quando eu expliquei que queria trocar meu nome para She-ra, ele (com toda seriedade e paciência do mundo!) me explicou que meu nome era muito bonito e que tinha sido escolhido com muito carinho. :-D hahahaha Eu também adorava programas de culinária e cozinhar com a minha vó… Além disso, gostava de brincar com botões, e ficava na cola da minha vó pra me ensinar a costurar e fazer tricô… não desenvolvi nenhuma dessas atividades profissionalmente, mas adoro fazer costurinhas aqui pra casa e bolos, biscoitos e docinhos pras amigas, pra família… Acho que comer uma coisa gostosa é uma das coisas que dá mais prazer nessa vida e é muito legal compartilhar isso com as pessoas ;-D

  12. Maria Cristina Norfini says:

    Paulinha, estava com saudades de vc!Andei viajando para fora do Brasil, ok? Minhas filhas são dos anos 80 e estão relembrando desta “ERA”. Sim, pq era Chacrinha, Bozo etc.
    Quanto a torta é maravilhosa e faz com que elas voltem ao passado. Mil beijocas para vc.
    Maria Cristina

  13. Meu sonho sempre foi fazer uma torta de maçã e na semana passada realizei. Quão grande foi a minha alegria ao ver o seu post, percebi que mais gente sonhava com a torta da Vovó Donalda. beijos

  14. Quando eu era criança queria ser secretária, rsrs.Ficava encantada com a forma elegante com que elas se vestiam e ainda podima brincar o dia todo com maquinas de escrever e telefones.
    Aqueles sapatos de salto alto com aqueles terninhos me encantam.A maquiagem muito discretamente elaborada, o andar com elegância, só criança mesmo para sonhar com uma profissão dessas né.Mas eu quero mesmo é essa torta esfriando na minha janela, rsrs.
    Adorei e fiquei com água na boca por essa torta.Beijos querida.

  15. kkk…também era criança nos anos 80. Compreendo bem o que vc está dizendo.
    E a torta, está bem parecida com os de desenhos animados.
    Irei fazê-la TB.
    Bjs

  16. Adoro o seu bom humor! Quando eu era criança eu queria ser arqueóloga. Hoje pretende ser jornalista. E essa torta parece ser um delícia! Um beijo

  17. que tarte maravilhosa…. já comia uma fatia (ou duas..hehehe)
    um beijinho e bom fim de semana

  18. Querida, fico felicíssima que tenha voltado a postar, descobri seu blog a pouco mais de um ano, mas já naveguei por todas suas receitas esplendidas, detalhe, suas introduções fazem toda a diferença. Obrigada por este blog maravilhoso. Um beijo, Ane

  19. Eu adorava assistir Ofélia e tbm ” O Machão na cozinha” !!
    Adorei a receita!! Simples e aparentemente fácil!!
    Bjs!!

  20. Engraçado…eu ainda não tinha decidido ‘virar’ doceira quando encontrei este site, há um tempo atrás.E me vi neste post…Também fui criança nos anos 80, também adorava chacretes!Também amava as tortas da vovó Donalda e a Ofélia!!!!!!…rsrsrsrs…Finalmente, descobri que não há mal nenhum em uma engenheira agronoma virar doceira!Obrigada!

  21. sabia que tb adorava ver a vovo danald fazer e desejava comer a torta dela,uma coisa q tb lembro se nao me engano da coca cola era umas miniaturas de gibi e de contos eu me amarrava!so lendo alguem recordar para vir tudo na memoria,alem de querer comer e fazer torta de maça ,gostaria de ser sua vizinha para ganhar um pedacinho da sua.bj!

  22. Gente eu fiz essa torta e deu certíssimoo!!!!!!! ficom uma DELICIA, todo mundo aprovou, muito obrigada pela receita, vou fazer sempre! :) ps: fiz com maçãs verdes o que deu um gosto ainda mais especial

  23. Engel Cavalcante says:

    Oi, Paula! Bem, vi essa sua receita em vários blogs (com créditos, claro) e como tenho uma dúvida, nada melhor do que vir direto à fonte. :)
    Bem, eu queria saber o seguinte: Tem como deixar ela pré-assada pra assar e comer outro dia? Se sim, como faço? Obrigada!

  24. Hahahhhahah… Ri muito lendo este post! O problema é que estou no trabalho e ninguém entendeu o motivo de tanta felicidade. Também sou jornalista, mas realizo meu sonho de infância messsmo quando estou na máquina de costura.
    Beijo! Parabéns pelo blog. Acabei de conhecer e estou apaixonada! Não vejo a hora de testar as receitas.
    Viviane

Trackbacks

  1. [...] O que você quer ser quando crescer? – Torta de Maçã Americana. [...]

  2. […] receita me cativou na hora em que vi a foto dessa torta no blog da Paula!!!! Separei para testar e aí veio este final de semana de feriado, com friozinho…achei […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 925 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: