biscoitos

Biscoitos de Chocolate

Aqui em casa ainda temos uns dias de férias escolares e acho que aí na casa de vocês também, né?

A minha criança já está grande e se ocupa sozinha na maioria dos dias com seus livros, jogos e youtubers da vida, mas às vezes a gente ainda vai pra cozinha juntas – e essa receita de biscoitinhos de chocolate é uma das que a gente mais curte, porque são gostosos de fazer e de comer.

Servem também como base para biscoitos decorados – é a receita que eu uso para as encomendas e até para uma base de torta doce se for o caso.

Biscoitos de Chocolate

  • 400g farinha de trigo
  • 70g de cacau em pó 100%
  • 1 colher de chá de fermento
  • 1/2 colher chá de sal
  • 200g de manteiga sem sal
  • 280g açúcar refinado
  • 2 ovos extra
  • 1 colher chá essência de baunilha

Peneire num recipiente a farinha, cacau, fermento e sal. Reserve. Bata na batedeira a manteiga com o açúcar até ficar uma pasta. Junte os ovos um a um e a baunilha até misturar bem. Junte os ingredientes secos e bata na velocidade mínima somente até ficar uma bola homogênea.

Abra porções da massa sobre uma superfície enfarinhada com um rolo até a espessura desejada (mais ou menos 0,5cm). Corte com cortadores e ajeite em assadeira de alumínio sem untar com um dedo de distância entre os biscoitos. As rebarbas podem ser amassadas e reutilizadas. Asse em forno preaquecido a 180 graus por 10 a 15 minutos, dependendo do tamanho dos biscoitos. Eles devem estar firmes ao toque mas não devem dourar ou escurecer. Deixe esfriar na assadeira por 10 minutos e passe para uma grade pare esfriar completamente. Guarde em pode vedado por até 30 dias.

Areias Portuguesas

Chegou 2020!

Esse ano novo fiz diferente e não tracei metas nem fiz promessas: não vai ter dieta na segunda-feira, não me matriculei na academia, não vou (tentar) parar de comer chocolate, não sei quantos livros vou ler e não usei calcinha nova na virada.

Se 2019 me ensinou alguma coisa foi isso: a vida vem e atropela os planos da gente. Muitas coisas legais aconteceram dentro do script, algumas fora dele e outras que eu queria muito bateram na trave.

Escolhi a receita desses biscoitinhos portugueses pra fechar o ano passado e começar o novo justamente por isso – eles foram feitos pela primeira vez em 2019 para uma pessoa que eu gostava muito, mas que foi embora. Só que eles são também simples, doces, fáceis, deliciosos e lindos como eu desejo que esse ano seja pra vocês, e pra mim também. A gente merece.

Areias Portuguesas ou Areias de Cascais

  • 100g de açúcar
  • 200g de manteiga em temperatura ambiente
  • 300g de farinha de trigo
  • raspas de laranja ou limão (opcional)
  • 1 pitada de sal
  • Açúcar e canela a gosto para passar os biscoitos depois de assados

Preaqueça o forno a 180 graus. Separe uma assadeira grande de alumínio, pode ou não forrar com papel manteiga. Numa tigela grande, misture a farinha, açúcar e raspas. Junte a manteiga em pedacinhos e misture com as pontas dos dedos até formar uma massa quebradiça. Forme rolinhos, corte em pedaços e forme bolinhas do tamanho de brigadeiros.

Arrume na assadeira e asse por mais ou menos 15 minutos, até dourarem ligeiramente e estarem secas. Deixe amornar e passe no açúcar com canela. Guarde em potes depois de frias, validade de uma semana ou mais.

Biscoito recheado com creme de baunilha (AKA Oreos Caseiros)

oreos

Postei essa receita no blog lá pros idos de 2009, nos tempos em que a internet era um lugar fofo e amigável, os blogayros de culinária eram uma grande família e o YouTube era só um lugar onde você podia encontrar vídeos engraçados de gatinhos.

O mundo mudou, a web também e junto com eles mudou um pouco também essa receita, então achei que estava da hora de repostar aqui com uma foto melhor e repaginada.

image

A cara da internet hoje para você colecionar.

Qualquer receita que produz a versão melhorada de um produto industrializado ganha a minha atenção e, se for fácil de fazer, ganha meu amor e fidelidade.

Esses biscoitos são assim: imagine oreos comuns ganhando um raio gourmetizador + o beijo de um unicórnio e você podendo ainda controlar a quandidade de recheio que quer dentro deles. É isso.

Biscoitos Recheados com Creme de Baunilha ou Oreos Caseiros

(rende cerca de 30 unidades)

Para a massa:

  • 160g de farinha de trigo
  • 65g de cacau em pó
  • 1 colher de chá de bicarbonato
  • 1/4 colher de chá de fermento em pó
  • 1/2 colher de chá de sal
  • 300g de açúcar refinado
  • 140g de manteiga sem sal em temperatura ambiente
  • 1 ovo extra

Para o recheio:

  • 100g de manteiga sem sal em temperatura ambiente
  • 120g de açúcar de confeiteiro
  • 2 colheres de chá de extrato de baunilha

Forre duas assadeiras grandes com papel manteiga.

Numa tigela média, peneire a farinha, cacau, bicarbonato e sal. Reserve.

Na batedeira, bata a manteiga e o açúcar até ficar uma pasta. Junte o ovo e bata por mais um minuto até virar um creme fofo. Junte os secos peneirados e bata em velocidade baixa até misturar e não ter mais nenhum traço de farinha na massa.

Aqueça o forno a 180 graus.

Faça bolinhas do tamanho de um brigadeiro (mais ou menos uma colher de chá cheia de massa) e posicione nas assadeiras com um espaço de uns 3 dedos entre elas.

Coloque um pouco de açúcar num prato e vá achatando as bolinhas com o fundo de um copo, passando o fundo do copo no açucar a cada amassada. Os biscoitos devem ficar finos, mais ou menos 0,5cm de espessura.

Leve ao forno para assar na grade do meio por mais ou menos 10 a 12 minutos, até estarem firmes ao toque. Eles saem ligeiramente macios do forno e ficam bem crocantes e delicados conforme vão esfriando. Deixe esfriar nas formas para que não quebrem.

Prepare o recheio:

Na batedeira, bata a manteiga até ficar fofa e cremos. Vá acrescentando o açúcar de confeiteiro aos poucos e bata por mais ou menos 2 minutos até ficar um cdreme espesso. Junte a baunilha e bata para misturar.

Aplique o creme em metade dos biscoitos frios com a ajuda de um saco de confeitar ou com uma colherinha de chá. Cubra com a outra metade dos biscoitos.

Podem ser guardados em potes vedados por vários dias em temperatura ambiente mas duvido que durem até lá.

Biscoito de leite ninho recheado com nutella (passatempo copycat)

passatempoMãe é tudo igual mesmo. Lembro bem quando era criança e pedia alguma coisa industrializada – minha mãe nunca comprava,  depois me aparecia com uma versão caseira mequetrefe e ainda dizia que tava igualzinho.

Não sei dizer se era por falta de grana ou por preocupação com a saúde da garotada, ou os dois.

Hoje em dia eu faço tanto isso que virou até piada, quem diria. Já teve bolinhos recheados “Ana Farias”, o hamburguer “Bigue Tréc”, os nuggets “Sra. Dias”. E eu, como toda a mãe, tenho a cara de pau de jurar que está idêntico ao original. A pequena não reclama não, até se diverte com as tentativas e os nomes “quase iguais”. Fiz essas bolachinhas hoje de manhã para o lanche da tarde e estou aqui pensando num nome pra elas, acho que serão batizadas de “Biscoitos Passavento”. Acho que ela vai gostar.

Biscoitos Passavento

rendimento: 20 biscoitos rechados

  • 320g farinha de trigo
  • 85g de leite em pó
  • 1 colher de chá de fermento
  • 1 pitada de sal
  • 200g de manteiga sem sal em temperatura ambiente
  • 85g de cream cheese em temperatura ambiente
  • 200g açúcar refinado
  • 1 colher de chá de extrato ou essência de baunilha
  • 1 ovo grande
  • 1 pote grande de nutella (ou o recheio que preferir)
  • Canetinhas de corante comestível

Aqueça o forno a 180 graus. Forre duas assadeiras grandes com papel manteiga.

Misture numa tigela a farinha, leite em pó, fermento e sal. Reserve.

Bata na batedeira a manteiga e o cream cheese. Junte o açúcar e a baunilha e bata até ficar cremoso. Junte o ovo e bata para combinar. Junte a mistura de farinha e bata em velocidade baixa somente até a farinha sumir na massa.

Divida em duas porções forme dois discos. Embale em plástico e leve à geladeira por 30 minutos.

Abra a massa entre dois plásticos ou duas folhas de papel manteiga com um rolo até ficar com mais ou menos 0,5cm de espessura. Corte com um cortador quadrado e transfira para as assadeiras.

Asse por mais ou menos 15 minutos, ou até dourarem ligeiramente ao redor. Deixe esfriar nas assadeiras.

Desenhe figurinhas direto nos biscoitos frios com as canetinhas de corante. Separe metade dos biscoitos e coloque uma pequena porção de recheio com a ajuda de uma colherinha ou saco de confeitar. Cubra com os biscoitos restantes.

Podem ser guardados em pote com tampa por até 1 semana.

biscoito passatempo caseiro

The Cookie Shop no Eataly

saopaulo1

Vocês já foram no Eataly? Eu que poderia morar lá me adota Eataly sou muito fã fiquei muito feliz com o convite de dar uma aula de biscoitos decorados por lá. Primeiro pela honra de estar ao lado de tantos professores bacanas e segundo pela oportunidade de me empanturrar de focaccia e nutella como se não houvesse amanhã.

print tela eataly

Vai ser uma aula bem descontraída e não precisa ter experiência.

O curso será no dia 08/09 (terça-feira) das 19h às 21h.

Para se inscrever entre em contato pelo e-mail cursos@eataly.com.br ou pelo telefone (11) 3279-3300.

Espero vocês lá!

Biscoitinhos com recheio de morango e limão (pink-lemonade)

IMG_5639

Lá vou eu escrever de novo sobre etiqueta na internet, mas preciso desabafar.

Acho engraçado quando a gente posta uma foto no facebook ou instagram de alguma coisa que a gente fez e as pessoas comentam entre elas como se quem postou a foto não estivesse lendo. Tipo: “olha que legal prima, vamos fazer essa receita, a que horas você vai chegar na casa da vó no domingo?”, e a prima responde “acho que chego em cima da hora pra não ter que conversar muito com o chato do tio Fulano kkkkk”, e por aí vai.

Mas também tem coisas que não são tão engraçadas como por exemplo “aff, quanto açúcar, esse doce tem diabetes no recheio”, ou até quando a gente posta a foto de um bolo decorado e alguém marca outra boleira “Fulana, você consegue fazer igual bem baratinho?” ou até o famigerado “quanto?”.

Como quem está na chuva é pra se queimar molhar eu nem ligo – minha forma de administrar comentários em todas as redes sociais sempre foi apagar somente aqueles ofensivos e que trollam de propósito.

Mas essa semana que passou aconteceu o inverso comigo. Eu seguia a página de uma doceria em São Paulo no Instagram – os doces de dar água na boca, mas eles atendem somente eventos, então ficava só na vontade de experimentar. Até que postaram que iriam abrir uma loja de donuts – me empolguei e já marquei uma amiga minha que ama donuts. E o que aconteceu? Minha marcação foi apagada e fui banida da página. Minha amiga (que nem doceira é) fã de donuts também foi banida da página.

Mandei um email pra loja tentando esclarecer – não é só porque eu sou doceira que não sou consumidora de doces né? Muito pelo contrário aliás. Não tive nenhuma resposta, e continuo banida da página. Fiquei mega chateada porque sempre acreditei que me comporto muito bem na terra das internetes, mas me fez pensar também que administrar um espaço virtual (e um negócio na vida real)  não é pra qualquer um mesmo. E pode ter certeza que essa futura loja de donuts terá duas clientes a menos.

Agora que eu desabafei (obrigada gente), segue uma receita bem simples de biscoitinhos com recheio de morango – eu achei eles lindos demais, e já imaginei uma linda bandeja de pedestal numa festa de chá de bebê, na mesa de café de um casamento mais rústico ou até para receber visitas numa maternidade. O curioso é que a receita pede só 1 morango – isso mesmo, uma unidade de morango. E podem marcar seus amigos à vontade na foto tá? 😉

Biscoitinhos pink-lemonade

Adaptados da revista “Martha Stewart” de junho/2015

Rendimento: mais ou menos 25 unidades

Para a massa

  • 2 e 1/2 xícaras de farinha de trigo
  • 2/3 xícara de açúcar de confeiteiro
  • 1 pitada de sal
  • 200g de manteiga sem sal em temperatura ambiente
  • raspas da casca de 1 limão siciliano
  • 2 colheres sopa de suco de limão

Para o recheio

  • 1 morango bem madurinho
  • 1 xícara de açúcar de confeiteiro
  • 2 colheres de sopa de suco de limão

Forre duas assadeiras grandes com papel manteiga. Numa tigela, misture juntos a farinha, a metade do açúcar de confeiteiro, o sal e reserve.

Na batedeira, bata a manteiga com o restante do açúcar, as raspas e o suco de limão até ficar claro e fofinho. Junte a mistura de farinha e bata em velocidade minima somente para misturar.

Faça bolinhas de 4cm de diâmetro e coloque nas assadeiras preparas, com uma distância de dois dedos entre elas. Congele por 10 minutos enquanto preaquece o forno a 170 graus.

Asse na grade do meio do forno por 10 minutos. Tire a assadeira do forno e faça um buraquinho no meio de cada bolinha com o cabo de uma colher de pau e continue a assar por mais 10 a 15 minutos – até ficarem douradinhas embaixo. Deixe esfriar e polvilhe açúcar de confeiteiro antes de rechear.

Faça o recheio: numa tigela pequena, amasse o morango com um garfo até triturar bem. Junte o açúcar e o suco de limão, aos poucos, até ficar um creminho grosso. Com uma colherinha de café coloque o recheio em cada buraquinho dos biscoitos e deixe endurecer (demora uns 10 minutinhos). Os biscoitinhos podem ser guardados em pote com tampa por até uma semana.

pink lemonade cookies

Hmmmm, rosquinhas … – donuts assados com açúcar e canela

 

Eu tenho um sonho na vida que é o seguinte: ganhar na Mega Sena e entrar numa daquelas lojas de material para confeitaria enormes dos Estados Unidos. Não adianta comprar pela internet, eu queria ir lá, na loja física, pegar um carrinho e brincar de programa Supermarket.

Infelizmente esse dia ainda não chegou, então a gente vai comprando uma coisinha aqui, outra ali, tipo colecionando figurinhas da copa. Só que são formas e utensílios. E não dá pra colar num álbum, você tem que ocupar todos os espaços disponíveis da sua casa pra essa coleção. E não vou entrar num debate inútil sobre a utilidade e frequencia de uso desses objetos. Me deixem.

Na minha última viagem acabou vindo parar na minha mala uma linda forma para donuts assados – eu bem que tentei não comprar, mas quando você começa a refletir se realmente precisa daquilo acaba chegando à conclusão de que não precisa de coisa nenhuma e pronto, acaba a graça da vida. E ir aos Estados Unidos é um eterno olhar para todas as coisas e pensar COMO EU PUDE VIVER SEM ISSO ATÉ HOJE. Faz parte da imersão na cultura local. Me deixem again.

O caso é que a forma tava aí, quase um ano depois do retorno, ainda virjona. Sempre reluto um pouco de colocar aqui no blog receitas que precisam de utensílios difíceis de encontrar, mas né, eu precisava justificar essa compra, e vocês que são meus amigos vão ter que compreender e não me xingar nos comentários.

Tenho duas soluções para vocês no caso de alguém querer muito fazer essa receita e não ter a forma especial: a primeira é usar mini forminhas de pudim com buraco no meio. Já fiz isso para uma festa com tema Simpsons uma vez, com uns pães de mel em forma de rosquinhas. A outra é mandar o formato às favas e assar em forminhas de mini cupcake, o que eu fiz aproveitando uma parte da massa desses aqui. Fica tipo um bolinho de chuva, o que também não é má idéia.

Donuts assados com açúcar e canela – 12 unidades (adaptado daqui)

  • 1/4 de xícara (57g) de manteiga sem sal, temperatura ambiente
  • 1/4 de xícara de óleo vegetal (canola ou girassol)
  • 1/2 xícara (100g) de açúcar refinado
  • 1/3 xícara (70g) de açúcar mascavo
  • 2 ovos grandes
  • 1 1/2 colheres de chá de fermento em pó
  • 1/4 colher de chá de bicarbonato
  • 1/2 colher de chá de noz moscada ralada na hora
  • 1/2 colher de chá de sal
  • 1 colher de chá de extrato de baunilha
  • 2 2/3 xicaras (320g) de farinha d etrigo
  • 1 xícara (250ml) de leite

Unte com manteiga derretida duas formas especiais para donuts ou uma forma para mini cupcakes de 24 cavidades. Preaqueça o forno a 210 graus.

Numa tigela, misture a farinha, fermento, bicarbonato, noz moscada e sal. Reserve.

Na batedeira: bata a manteiga, o óleo e os dois tipos de açúcar. Junte os ovos e bata até ficar homogêneo. Acrescente a mistura de farinha alternando com o leite e misture até ficar uma massa lisa.

Com a ajuda de uma colher ou de um saco de confeitar, encha as cavidades das formas até completar 3/4 da capacidade. Leve ao forno por aproximadamente 10 minutos (no meu forno deu 10 minutos certinho), até passar no teste do palito.

Espere uns 5 minutos para desenformar e passe ainda mornos por uma mistura de açúcar e canela. Termine de esfriar sobre uma grade.

São melhores se consumidos nas primeiras horas depois de feitos (ficam com um crocantinho que parece fritura), mas duram até 3 dias guardaos em recipiente com tampa, fora da geladeira.

baked doughnuts

1 2 8
%d blogueiros gostam disto: